Amazon Prime Banner 610x180

Amazon Prime Banner 610x180

JogosSoftwaresTecnologia

Jogos e Educação: O ensino interativo com Minecraft!

Não se pode negar que no processo de ensino, há algumas matérias que dão até sono. Sem contar que tem conteúdo mais complexo para se compreender. Mas que tal, poder aprender de forma lúdica e divertida? Já se sabe que se ensina utilizando música, teatro, brincadeiras, etc. Mas, e com jogos eletrônicos na educação? Mais ainda, com jogos de aplicativos do momento mais acessados mundialmente, como Minecraft?

Partindo dessa ideia, tem professores utilizando essas ferramentas “nada atraentes” para crianças e adolescentes!

Como é o caso do professor de alfabetização digital no Brasil, Francisco Tupy, que leciona no Colégio Visconde de Porto Seguro, uma escola particular Alemã para alunos do ensino fundamental e médio na cidade de São Paulo.

Ele é apaixonado pelo tão famoso Minecraft (Disponível AQUI, com Game Pass). Assim, ele utiliza desse jogo para o auxiliar na aprendizagem de modelagem 3D, cultura, cidadania e codificação. É o Minecraft: Education Edition, tornando as aulas mais interessantes, atraentes e divertidas. Deixando um pouco de lado a cena de reuniões, alunos de um lado e professor de outro, fugindo da monotonia. Fracisco Tupy diz que com isso, procura motivar seus alunos a prestarem atenção, além do conteúdo, mas como forma de vida.

Jogos-na-educação-minecraft
Imagem: (Microsoft / Divulgação)

Em seu doutorado em comunicação e jogos aplicados, dissertou sobre o jogo de construção de mundo, o Minecraft. Utilizando o jogo, desenvolveu um projeto junto a UNESCO, para recriar locais do patrimônio mundial em ruínas no Iraque, Síria e Afeganistão, o History Blocks. Também construiu uma história do Minecraft de um herói para dar uma lição acerca de etiqueta online. Já em uma aula de engenharia nuclear, fez seu avatar em forma de blocos, como é o jogo, andar em um laboratório nuclear virtual contendo até cientistas de jaleco branco.

Para Francisco, no Minecraft, cada mundo criado é um grande banco de ideias e criatividade. Abrindo assim, o portão para o entendimento.

Não só o Francisco, mas diversas escolas estão se aderindo ao jogo para incentivar a imersão dos estudantes nas tarefas. Pois alegam que com o ensino a distância, o desafio se tornou ainda maior para manter os alunos focados e engajados no aprendizado. Por isso utilizam o jogo para incentivar um interesse maior dos alunos a aprender e ainda estimular pontos criativos e colaborativos.

Como foi o caso do SESI (Serviço Social da Indústria), criaram um desafio rápido para incentivar os estudantes do Ensino Fundamental (de 6 a 14 anos) a criarem no Minecraft Education Edition um mundo pré-pandemia covid-19 e outro pós-pandemia. Na realização do desafio de aprendizado, na plataforma baseada em jogos, os estudantes têm o dever de reconhecer os impactos do vírus e o que ele provoca nas pessoas, locais e serviços públicos das cidades. Após isso, pediram a construção de uma cidade pós-pandemia, uma forma de o aluno estar inteirado sobre a situação, o cenário atual e entendendo mais sobre sua cidade.

Jogos-na-educação-minecraft-tablet1
Imagem Ilustrativa

 

O  Sesi possibilitou primeiramente o uso do Minecraft Education Edition pelos estudantes e professores em suas casas. A BigBrain, que é parceira da Microsoft no setor da educação, foi quem apoiou o processo. Também em relação à capacitação dos docentes ao uso do Minecraft Education Edition nas tarefas e criação de desafios.

E assim, os alunos aprendem e se divertem ao mesmo tempo! 🙂

Acompanhe as novas novas matérias em nosso site!

Ative as notificações e assine nossa newsletter! 😉

Tags: , , , , , , , , ,

Mais Artigos Similares

Newsletter

Mais vistos
MANTENHA-SE PRODUTIVO EM CASA